sofelp

 

 

 

 

 

 

 

1ª circular

 

A educação constitui um dos maiores desafios que se colocam às nações quando buscam no desenvolvimento o bem-estar sustentado das suas populações. É uma realidade inquestionável que a produção de riqueza, a luta contra a pobreza, o acesso à informação, a saúde, o benefício e adequada utilização dos bens produzidos pela técnica ou disponibilizados pela natureza, a participação cívica, a tolerância e a solidariedade são dimensões inalienáveis da promoção da dignidade das pessoas, dimensões estas que atravessam e são atravessadas necessariamente pela educação para que sejam consequentes e coerentes.
Quando se fala de educação temos desde logo de contemplar a educação formal, a não-formal e a informal, ou seja, a que acontece nas escolas de todos os níveis, na família e na sociedade em geral e aqui muito especialmente a que passa pelos meios de comunicação social. Na verdade, a educação – enquanto reprodução e inovação, entre os saberes tradicionais e as aberturas da ciência - é um assunto que interessa e é protagonizado por todos. Não pode assim deixar indiferente a filosofia enquanto espaço de reflexão sobre o que dela se espera e exige em prol do bem-estar das pessoas e das comunidades. É que da educação emergem problemáticas éticas, antropológicas, metodológicas, sociológicas, psicológicas, biológicas e físicas sobre as quais urge colocar interrogações bem fundamentadas, as quais impõem o esboço de respostas a todos os títulos exigentes que deverão inclusive ajudar os profissionais no exercício da sua missão quotidiana e os responsáveis políticos no esboço e cumprimento das suas decisões.
Talvez o grande desafio que se nos coloca atualmente seja o de retomarmos e questionarmos a célebre concepção de Comenius que olhava as escolas como “oficinas de humanidade” contribuindo para que os homens adquirissem as virtudes que os tornam “verdadeiramente homens”, mas interpelando-a agora com o pensamento: a educação é pressuposto e horizonte de humanidade…

Depois do enorme sucesso dos eventos anteriores no Brasil, em Portugal e em Cabo Verde, este congresso da  SOFELP congrega, pela primeira vez em Moçambique, investigadores dos diferentes países de língua oficial portuguesa em torno da temática enunciada, a qual se ramifica num conjunto de sub-temáticas agrupadas nas seguintes secções:

1. Educação e formação nos vários níveis e tipos de ensino: realidades e desafios;
2. Educação e cidadania: direitos humanos, formação pessoal e cívica;
3. Educação e meio ambiente: desenvolvimento e relação do Homem / Natureza;
4. Educação e ética: estatuto dos valores como referenciais de formação e conduta;
5. Educação e globalização: conexões e conflitualidades entre o local, o regional, o nacional e o global;
6. Educação, arte e literatura/educação, ciência e técnica: confluências e desafios.
7. Educação e história: para compreender o presente e perscrutar o futuro;
8. Educação e investigação: estatuto e importância da investigação educacional;
9. Educação, família e comunidade;
10. Educação e filosofia: um espaço reflexivo, um debate em aberto.

 

Datas Importantes
Submissão de resumos e palavras-chave: até 31 de março de 2017 
Confirmação da aceitação das propostas de comunicação apresentadas: até 15 de abril.

Envio do texto completo ( 3 000 palavras ): até 31 de maio

Inscrições:  de 15 de abril a 31 de maio: $ 25  / Depois de 31 de maio: $30
Sócios da SOFELP: de 15 de abril a 31 de maio: $ 15  / Depois de 31 de maio: $ 20
Estudantes: $ 5

Comunicações Livres
Nas propostas de comunicação o(a)s autore(a)s deverão:
- Apresentar em anexo um resumo com uma extensão entre 300 e 500 palavras e título, acompanhado de  4 a 5 palavras-chave, bem como da indicação da secção temática (considerando a lista acima discriminada) em que desejam que as comunicações sejam apresentadas, sem qualquer identificação do autor/(a);
- Identificar no corpo do email o nome do autor(a),  a instituição a que pertence e o endereço que pretende seja utilizado para contacto.
 
Os resumos deverão ser enviadas para o seguinte endereço: sofelp@sofelp.com

Oportunamente serão enviadas novas circulares com informação mais detalhada acerca do programa científico, comissão científica e organizadora, deslocações, alojamento e programa social. Para que o(a ) mantenhamos informado(a) manifeste por favor desde já o seu interesse em receber estas circulares e remeta-nos os nomes e endereços de outras pessoas igualmente interessadas. 

Colabore. Difunda esta circular. Obrigado!
Pel’A Comissão Organizadora
Adalberto Dias de Carvalho
José Blaunde

sofelp circular-04